domingo, 18 de dezembro de 2016

O sol...

O amor revela-se o mais importante começo de nós.
Se fazendo preciso esperarmos
como que distraídos à porta de casa.
Como se nunca 
se ausentasse o sol.

Um comentário:

Solange Duarte disse...

Sds daqui Gui!
To pensando em reativar meu blog...
Este poema do sol tem muito a ver comigo..

Bjs.Sol