domingo, 29 de maio de 2016

Inaugurar...

Ela queria desobedecer medos e frear ansiedades. Ela queria estrear-se num amor e nele, curar-se dos seus passados e metades. Ela queria uma vida que ainda não havia sentido.

Era a mesma vida que havia há muito encontrado. Apenas aguardava a hora certa para ser aquilo que apenas na hora certa poderia sentir.

Só não sabia que a hora certa toda hora por ela atravessava. Continuava a esperar o que não devia ser esperado.

Aguardava para sempre inaugurar o melhor de si.

Nenhum comentário: