segunda-feira, 4 de abril de 2016

Receita

Um incômodo se não dispensado pode vir a tornar-se uma frustração.
A frustração se reincidente pode vir a tornar-se tristeza.
A tristeza se acumulada pode vir a pedir-nos remédios.

Nós e o nosso mau hábito de cultivar o que não se deve, alojando aquilo que deveria ser tão-somente passageiro. A repetição crônica do sentir e do pensar alimentam mágoas e culpas, levando-nos às reincidências e círculos viciosos interiores, impedindo-as de se dissolverem através do tempo, restabelecendo nossos inteiros.

O que é a doença senão um pedido de socorro pelos cansaços, quando deixamos a vida escapar no momento em que o vazio entrou? Não esperemos para dizermos "basta" ao que devemos dizer "basta", seja lá dentro ou fora da gente, seja para o outro ou conosco mesmo.

Mudar amanhã é desculpa para repetir o hoje.

Nenhum comentário: