domingo, 13 de março de 2016

Avoar...

Quando no plano planeja se avoar a poesia,
letra é som, vira asa, tom, palavra, melodia. 
A voz em nós dança o verbo, veste o canto, 
a encantar o que é imenso, e muito e tanto,
despertar na alma o intenso, o sol e o pranto,
Servir de fuga ao pecador, ou avivar a fé do santo.
Desenha o poeta o verso da canção, pois sabe bem
que a vida pode viver inteira no refrão, ou mesmo além,
que boa música é alma imersa em oração...

então
amém.

Nenhum comentário: