segunda-feira, 29 de junho de 2015

Palhaço...

[...] porque depois de profundas tristezas que nos escolhem vez ou outra nesta vida, para continuarmos fazendo sentido para nós mesmos, precisamos nos reinventar. Assim faz o palhaço ao escolher seu novo número, quando a versão antiga de si já não agrada mais a ninguém. Para ele, meu filho, o silêncio de sua platéia é esta profunda tristeza de que lhe falo.

Nenhum comentário: