quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Das exigências...

Por vezes as coisas boas vão se instalando em nossa vida aos poucos, sem antecipados avisos, barulhos ou exigências de novos espaços, como processos contínuos que nos desarmam e nos expõem novamente ao viver, permitindo-nos escolher e aceitar finalmente o acerto, a prosperidade e por-nos disponíveis uma vez mais aos milagres.

2 comentários:

Solange Duarte disse...

preciso que aconteça isso comigo..

bjs.Sol

Milene Cristina disse...

E como é bom nos observar, e ver esses poucos transformando nosso querer em algo melhor , coisas simples , que nem chegamos a imaginar.