quinta-feira, 28 de junho de 2012

Lembrança...

"(...) e quando sem esperar, olhou menina o seu rosto refletido no espelho, levou o coração à boca que então vestiu sorriso. Lembrou-se de respirar macio no seu despertar; lembrou-se de despedir do sol ao entardecer; lembrou-se de elogiar cada uma das suas novas escolhas. Lembrou de não mais sentir saudades de ser feliz. Saiu de casa de vestido colorido e fita verde no cabelo. Ela era o seu próprio presente. E de nada mais precisava para ser o seu futuro também".

11 comentários:

Maya Quaresma disse...

Eu nunca sei o que comentar no teu blog, você sabe disso. Você é aquele ser que arranca de mim todas as palavras.

Por isso, deixo aqui apenas um sorriso! ;)

Luzia Trindade disse...

Lembrar para então viver. Lindo texto!

Ana (Ballet de Palavras) disse...

Guilherme,
Um estado de alma quando a emoção se tatua à flor da pele.

Um dia terno e, delicado.
Ana

RosaMaria disse...

Diante do seu reflexo, a menina reconheceu a mulher que havia se tornado. Ainda carregava cicatrizes abertas, mas seu sorriso permanecia. Havia razões para mantê-lo Não estava tudo completo. Nunca estaria. Mas as razões para sorrir, já faziam parte da sua rotina.

Beijos!

Kelly Cristina Costa disse...

Em uma palavra simples: ARRASOU!
Gostei de mais!!

Vampira Dea disse...

Gostei dessa menina que apredeu a jogar um jogo diferente: o de viver. Bonitas palavras no seu mundo azul

Sol disse...

Estou precisando de lembranÇas como essas tambem...

Voce escreve de ma forma tao leve.

Beijo

Luciana Santa Rita disse...

Oi Guilherme,

Boa noite! Lindo texto! Penso que preciso de novas lembranças.

Lu

Priscila disse...

"Lembrou de não mais sentir saudades de ser feliz." Determinante, essa frase. Sair do saudosismo de um passado, que não vai voltar... fazer novas escolhas, ser o próprio presente e futuro, é o que vida sempre espera de nós.
Uma boa dose de desapego facilita.
Dia de ser feliz é hoje, amanhã e depois e depois... *_*

Beijo, Poeta!

Mariana Fernando de Araújo disse...

A-D-O-R-E-I teus escritos, vou compartilhar esta postagem no meu blog com os devidos créditos, dá um pulo lá e vê se aprova hahahaha, caso não goste desse roubartilhar, me avisa que excluo a postagem !!!!!

http://praquemtem.blogspot.com.br/2012/07/eu-sou-meu-presente.html

Patrícia Rocha disse...

Você é a poesia, Gui. Obrigada por nos acariciar sempre com tuas palavras...

Passando pra matar as saudade e deixar um beijo grande =*