segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

O Reino do mar...

E então o Majestoso Dragão Dourado revelou-se aos teus olhos para um convite em silêncio, levar-te ao reino do mar, embaixo da Ilha. Todos conheciam a Ilha, mas não o reino do mar. Não sabiam como atravessar o azul. Era o mesmo segredo do mergulhar no céu. O convite do Majestoso Dragão Dourado era esse, torná-la oceânica. Para todas as palavras em ti caberem, para todo o silêncio em ti viver. Para que você viva à margem de si, e no mais profundo da Alma também.

5 comentários:

Nara Sales disse...

Me deu um mal estar, uma vontade intrigante de desbravar o que há no fundo de tudo, de mim.

Heat disse...

Que bonito.

Conhecer-se...

Nao aguentei... to seguindo teu blog tbm!!!

Poeta da Colina disse...

O que há de reinar sobre a alma...

mfc disse...

Também quero mergulhar nesse azul!

Yohana Sanfer disse...

Guilherme, é incrível seu caso com a poesia. Transforma toda e qualquer palavra em reflexão...adoro!
Aproveito para desejar que o natal venha com luz e harmonia pro seu lar e coração! Bjs