domingo, 13 de novembro de 2011

Ofício...

"Sim, jamais escrevi sobre o que não me doesse, nem sobre o que doesse somente a mim. Com a exceção das mensagens divinas, de que não sou portador eleito, são as dores do mundo, na medida em que participamos delas com a inteireza de nossa alma, que constituem a única matéria digna do ofício de escrever e falar em público".
.
.
.
(Olavo de Carvalho)

Nenhum comentário: