terça-feira, 3 de maio de 2011

O Milagre...

Talvez eu comece a deixar de uma vez por todas, tentar entender o mundo. Vejo ser o mundo pano de fundo ilimitado de sensações e contrastes, reflexos e combinações, presenças e histórias, estímulos e caminhos onde me cabe perceber sempre um só graveto, um só cantar, apenas um raio de sol, quando não a chuva e a tempestade que só em mim desaba. Acho eu que essa minha insistência em olhar pra Vida como um campo de batalha só me faça ver soldados cinzentos, ou pregos, caso eu carregue um martelo. Talvez minha desistência seja, pelo contrário, uma entrega e um permitir disfarçados, uma renúncia ao azar, à ingratidão e ao mofo da Alma; vindo daí uma aceitação tímida, de que a vida é bem-vinda no meu quintal, na minha festa, seja lá com qual roupa ela venha. E ao invés de correr para as montanhas e viver escondido e intimidado pela plenitude que me convida a um agora próspero e bonito, eu possa me expor à chuva e também ao sol, às perdas como também aos ganhos e, por isso, eu me permita levantar os véus da ilusão e ver a Vida um campo infinito de possíveis realidades onde escolhemos a que nos cabe e nos ressoa, onde (re)criamos e multiplicamos as oportunidades; de nos expressarmos na Verdade que habita em nós e que atua através de cada um. Somos nós quem permitimos o milagre e a graça. Melhor mesmo deixar viver e contemplar o mistério das coisas ao tomar meu chá antes de dormir...


"Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento". (Clarice Lispector)

14 comentários:

Alê disse...

"Viver ultrapassa qualquer entendimento"

Vanessa Souza Moraes disse...

Somos quem podemos ser (Engenheiros)

Sam. disse...

tão curta é a vida para desperdiçarmos com entendimentos..
Vida não é para perceber. É sinal de amor puro não se perceber, amar e não se ter, querer e não guardar a esperança, doer sem ficar magoado, viver sozinho, mas mais acompanhado do que quem vive feliz. Não se pode ceder. Não se pode resistir. O mistério da vida é irresistível!

Seu comentário iluminou o Pratododia hj!

Sigo-te!

Um beijo!

Priscilla Estrela disse...

belo texto! voce escreve muito bem..adoro esse fragmento de clarice..ela é linda!

O Impenetrável disse...

tentar entender o mundo é um dilema, pois você se sente em dívida com você mesmo, ou não.

gostei da postagem.

abraço!

Priscilla Cavazzotto disse...

Adorei o texto.
Simplesmente perfeito.
Também sempre tomo meu chá antes de dormir enquanto penso em tais questões.
Beijos meus

Aline disse...

interessante seu blog sabia?



Segue meu blog que eu sigo o seu.
Isatkmvskarku.blogspot.com eu to te esperando...
Assim que você me seguir eu te sigo e tbm, por favor, vote nas minhas enquetes.
Obrigada desde já.
Te esperando...

Renata Fagundes disse...

Um homem pode habitar uma ilha, mas uma ilha não pode ser esse homem.

Adorei o blog Guilherme

seja bem vindo ao meu cantinho

Brenda Gomes disse...

Embora a vida tenha dificuldades que por vezes nos fazem desacreditar, o grande desafio de viver é ter coragem de se entregar. Só então podemos descobrir a beleza que resta na realidade.

disse...

Clarice Lispector foi tão certeira quando escreveu esses versos... O mundo não foi feito para ser entendido, assim como a vida que levamos "em cima" dele... é apenas feito para ser vivido...

Beijoss

Guilherme disse...

"Esqueça essa história de querer entender tudo.
Em vez disso, viva!
Em vez disso, divirta-se!
Não analise, celebre!"

(Osho)

Fernand's disse...

eu já deixei faz tempo... se a gente entede muito, deixa de acreditar.



=)

bjsmeus

olha, seu blog emana uma sensibilidade muito particular. isso é raro para um blog escrito por homens.

Elton disse...

Lindo o texto! Por ter uma linguagem meio oculta, acaba fazendo o leitor entrar na história. Ficar na mesma sintonia. Outro texto que também adorei foi "Decreto..." postado no meu aniversário do ano passado, se encaixou perfeitamente com o momento que eu vivia na época. Estou começando a achar que você é fake! rs difícil ver homens que escrevem, principalmente os que escrevem bem. Te devo os parabéns.

z i r i s disse...

Guilherme!!

Vim buscar a gentileza que me ofereceste e deparo-me com este lindo, dentro e liberto texto. Essa força que moveu teus dedos ao encontro dessas palavras é a alma. Deixa escoar e vai ser luz pra todo lado... A vida? Ah a vida é assim mesmo, meio mágica, meio mistério, incompreensível mesmo. Deixa viver... : )

P.S.: Estou tocada!

Grande beijo e abraço