quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Recuperação...


Tantas são as alternativas e múltiplas escolhas que escondem no enunciado, meias verdades e falsas certezas. História mal contada, que não cabe resposta com macetes. Não há fórmulas no caminho de cada um. Cabe sim, o contínuo estudo de nós mesmos; a correção das imperfeições e a multiplicação dos atributos do Ser. Saber o bem, de cabeça. E o justo, de coração. E se diante de tanto, podemos chamar os universitários? Lógico, e certo de que a grande Universidade põe alunos a nossa volta para compartilhar também. Quanto as provas, sempre poderão ser refeitas. Amar a si mesmo é graduação. Paciência é professor. E lembre-se que a desatenção nos detalhes, mais a falta de carinho em cada uma destas provas nos deixará em recuperação. Mesmo que a nossa progressão seja sempre continuada...

3 comentários:

Patrícia Melo disse...

Gostei muito, profundo e poético.
Beijos

Maria Clara disse...

Meu educador preferido, quer ser meu parceiro na sala? :)

Priscila Rôde disse...

E a vida, esperta que só ela, coloca de castigo...