terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Nunca antes...

"nunca antes uma coisa
nem ninguém me
doeu tanto como eu
mesmo me dôo agora (...)"
.
.
.
(Caio Fernando Abreu)

Um comentário:

Cristyn disse...

Mas a culpa de doer-se é só sua. Nunca esqueça disso!