sexta-feira, 4 de abril de 2008

Porém, culto...

Calor demais no trânsito, tudo parado...

Lado a lado, um Mercedes com uma madame e motorista e um fusquinha com um gordinho, camiseta colada, todo suado, palito na boca, barba por fazer.

O gordinho xinga, buzina, faz um escarcel por causa do trânsito até que a madame baixa o vidro do Mercedes e diz:
- 'A paciência é a mais nobre e gentil das virtudes!' - Shakespeare, em 'Macbeth'.

O gordinho não deixa barato:

- 'Vá tomar no cu!' - Nelson Rodrigues, em 'A vida como ela é'.

3 comentários:

helen disse...

nas últimas semanas, era o que eu queria realmente dizer a várias pessoas, incluindo você sr. Guilherme, que fez questão de me deixar com lombrigas durante a noite. Mas tudo bem!

Tudo que vai,há de voltar! rs

Bjs meu garoto cavaLeiro, da sua amazona! rs

Samantha Steil. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Samantha Steil. disse...

Sempre.


Só não mando mamãe tomar no cú, de resto, sem exceções.



Bjos